Rádio Pico - Noticias

 

Lançada empreitada de reparação do molhe-cais do Porto da Madalena

Obra tem um custo de 5,2 milhões e um prazo de 12 meses

A Portos dos Açores, S.A. abriu o procedimento para a “reparação dos danos causados pelo temporal de 27/28 de fevereiro de 2017 no molhe-cais do Porto da Madalena”, com a publicação em Jornal Oficial da Região Autónoma dos Açores, do anúncio do respetivo concurso público para adjudicação da empreitada.
As obras projetadas têm como objetivo reabilitar as partes daquela infraestrutura portuária que foram danificadas por ondulações muito significativas registadas no final do segundo mês deste ano e incluem intervenções no muro-cortina, na plataforma do cais, nos pavimentos e redes elétricas e de abastecimento de água e ainda no manto de proteção, abrangendo-se a cabeça do molhe.
Em concreto, está prevista a demolição e reconstrução de novo muro-cortina, no troço que colapsou e restante troço danificado, numa extensão de aproximadamente 120 metros e a reparação do manto exterior através do aumento do perímetro protegido por cubos Antifer de 300 kN, ao longo de aproximadamente 70 metros.
A empreitada em causa engloba também, a recarga do manto exterior com os tetrápodos, numa extensão de aproximadamente 100 metros e a arrumação da camada de cubos Antifer da cabeça do molhe principal.
O valor do preço base do procedimento agora iniciado é de cinco milhões e duzentos mil euros, a que acresce de IVA à taxa legal em vigor, sendo o prazo para a conclusão dos trabalhos de 12 meses, após a consignação.

2017-08-08 00:00:00 Rádio Pico