Rádio Pico - Noticias

 

Mestre Simão retirado até ao início do verão

Sete empresas apresentaram propostas para a remoção do navio

Sete empresas apresentaram propostas para a remoção do navio "Mestre Simão", que encalhou no início de janeiro no porto da Madalena do Pico, anunciou o capitão do porto da Horta, Rafael da Silva.
Segundo explicou, esse prazo de avaliação poderá demorar "entre uma a duas semanas", seguindo-se a apresentação final de um ou mais planos de remoção do navio "Mestre Simão", que assegurava o transporte de passageiros e viaturas entre as ilhas do Triângulo.
As propostas agora apresentadas sugerem duas soluções distintas para a remoção do navio, pertencente à empresa pública Atlânticoline, uma das quais, passa por retirar o barco inteiro do local, via marítima, ao passo que a outra sugere o seu desmantelamento para terra.
De acordo com as informações recolhidas pela autoridade marítima, as propostas de remoção do navio apontam para que os trabalhos demorem "entre três a cinco meses", devendo estar concluídas, em qualquer dos casos, no início do verão.

Lusa/RP

2018-02-12 00:00:00 Rádio Pico